Buildings em expansão internacional

Os primeiros passos para extensão territorial pela América Latina

Fernando Libardi – Sócio Diretor Latam

Sim, estamos em expansão! E como fico feliz em dar essa notícia, afinal trata-se de algo que planejamos há certo tempo. Muitos dos nossos clientes pediam por isso, justamente por confiarem nos nossos dados e gostarem das nossas ferramentas. Mas posso dizer que começamos esse movimento justamente quando tínhamos que começar. Digo isso, pois a Buildings sempre teve como um dos seus principais valores a inovação constante, mas de forma sustentável.

Explicando melhor: ao longo dos anos, o mercado presenciou o crescimento Buildings, embasado por novos produtos e por muita sinergia. Pois bem, estruturar isso de forma sólida, considerando muitas variáveis, foi algo que levou certo tempo. Não estou dizendo que o nosso trabalho no Brasil chegou ao fim e que precisamos apenas seguir com as atualizações sobre o setor, de forma alguma. Mas chegamos a um ponto no qual conseguimos utilizar todo esse conhecimento para extrapolar as fronteiras. E decidimos começar pela América Latina, mais precisamente por Santiago, no Chile.

Conheça o site da

BUILDINGS CHILE

Vivência real

Todo player que já teve contato com a Buildings sabe que os membros da nossa direção são presentes no mercado. Estratégia? Sim, mas não é somente isso. Quando comecei a Buildings, estava na rua uma boa parte do tempo, entendendo o setor e conhecendo quem o formava. Por isso a Buildings é o que é hoje, a referência em pesquisa do mercado imobiliário corporativo brasileiro. E aqui estou eu novamente, encarando o mesmo trabalho, mas no Chile. Sim, eu, como sócio-diretor da Buildigns, estou à frente dessa nova empreitada. E isso não é apenas um detalhe, é algo fundamental para instalarmos a Buildings em terras estrangeiras de forma sólida e sustentável, assim como fizemos no Brasil.

É importante dizer que não se trata de uma filial, estou in loco, conhecendo o mercado e as diferenças de moeda, de medidas, das técnicas construtivas, entre outras tantas. Estou, também, montando uma equipe aprimorada, com a mesma filosofia de trabalho que sempre seguimos com sucesso. Ou seja, novamente, não é uma filial, é a Buildings Chile, assim como teremos em outras localidades na América Latina.

Com isso, estamos criando uma metodologia para a nossa expansão. Ou seja, temos nossa metodologia de pesquisa, muito bem-sucedida, e agora temos o “caminho das pedras” para criar as nossas operações em outros países. Obviamente, não estou falando de uma fórmula, mas justamente dos pontos de atenção e de flexibilidade. E tudo isso com a finalidade de expandir a democratização das informações do mercado imobiliário corporativo, de levar os dados para os players de todos os portes, de oferecer uma pesquisa independente e abrangente, de proporcionar detalhes de cada um dos empreendimentos das localidades que nos propormos a cobrir, de classificar os empreendimentos e de fazer com que cada um desses mercados seja mais transparente, tudo isso por meio das nossas ferramentas consolidadas e sempre atualizadas, justamente como fizemos – e seguimos fazendo – no Brasil.

Cada passo que damos é firme, porque nos preparamos e estudamos todas as nossas ações. Com isso, adianto que temos um mapeamento da América Latina a seguir, que consiste na Buildings LATAM. Nossa ideia não é somente ajudar os players locais, mas qualquer player global que precise estudar o setor de outros países, favorecendo a globalização do mercado imobiliário corporativo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco + 14 =